Crie glitters aqui!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012


Os pais devem ficar atentos aos pedidos das escolas

1 - Transporte Escolar: Verifique o prazo de contratação, valores e previsão de reajuste. Peça sempre recibo. Informe-se sobre a alternativa caso o motorista falte. Serão providenciados outro motorista e transporte? E se seu filho faltou uns dias, terá desconto ou abatimento? É importante ter uma segunda pessoa responsável por embarcar e desembarcar seu filho. E, claro, tenha tudo em contrato.
2 - Material Escolar: Se os pais acharem que a quantidade dos materiais pedidos é elevada, devem conversar com a escola e só mandar parte dos itens. Observe se seu filho realmente está consumindo de acordo com as atividades. Se foi pedido três tubos de cola, mande apenas um, no primeiro momento. A escola não pode exigir que os pais comprem e entreguem tudo de uma só vez.

3 - Economize: Compare a lista do ano letivo com a do ano anterior para se certificar do que pode ser reaproveitado e veja se tem itens em casa para uso pessoal. Os pais podem ainda trocar produtos entre si para complemementar a lista de seus filhos. Se aplicadas, as dicas podem reduzir em até 50% o valor que gastariam.

4 - Devolução de valores: As escolas particulares cobram matrícula e não são obrigadas a devolver o dinheiro caso os pais decidam colocar o filho em outro colégio, porque tiveram o trabalho de fazer a matrícula e o aluno segurou a vaga de outro possível candidato. Mas tem que ficar claro na hora da contratação do serviço e é de obrigação da escola. Os pais não podem tomar prejuízo sobre o que não foi combinado. Fique atento, exija contrato ou comprovante das informações prestadas.

5 - Exija seus direitos: Os pais precisam ter bom senso. Sentindo-se lesados com lista de material, descontos prometidos e não concedidos, aumento de mensalidade sem aviso prévio, orientamos que primeiro tentem acordo com os colégios. Escola não pode ser negócio. No caso das públicas, peçam orientação para a diretoria de ensino. Se realmente não houver acordo, o pai que se sentir lesado deve ir atrás de entendimento legal, acionando o Procon.

Um comentário:

Links Na boca do Sapo disse...

Olá! Temos o prazer de lhe convidar, a conhecer o novo Agregador de Links da web http://nabocadosapo.com.
Venha nos dar o prazer de ter sua presença.
Temos a nova seção Artesanato
Não deixe de visitar a seção “Parceiros” - http://nabocadosapo.com/parceria e aumente suas visitas. Confira as vantagens.
Na Boca do Sapo – Mais visitas para a sua página
Desde já agradecemos por sua atenção!